A Negritar é uma produtora audiovisual de impacto social composta por pessoas negras e que tem como objetivo potencializar narrativas pretas, periféricas e da Amazônia.

NEGRITAR É VERBO!
EU NEGRITO, TU NEGRITAS, NÓS NEGRITAMOS!

NEGRITAR!

MISSÃO

Construir e fortalecer o audiovisual negro da Amazônia a partir da produção e formação das periferias e comunidades tradicionais.

VISÃO

Ser referência internacional em cinema educação e inclusão racial no cinema

VALORES

Resistir com afeto, promovendo ações de impacto social, político e cultural, partilhando resultados e gerando autonomia coletiva.

WEBSÉRIE PRETAS

A websérie PRETAS é uma produção colaborativa paraense, que narra vivências de mulheres negras em diferentes contextos. Histórias que trazem à tona discussões sobre aceitação, sexualidade, solidão, intolerância religiosa e mostram a humanidade da mulher preta. Um trabalho audiovisual de resistência diante das narrativas criadas pelo machismo e racismo ao longo da história universal. 

RESILIÊNCIA

A série Resiliência conta sobre as vivências de três jovens mulheres negras do norte do Brasil que resolvem fazer um curta metragem para concorrer a um prêmio em dinheiro, mas enfrentam situações de racismo e machismo que irão abalar a produção do filme. 

 

A série esteve na final do Black Women Disrupt the Web (BWDW), concurso que destaca a criatividade de cineastas negras de diferentes países.

TELAS EM MOVIMENTO

O Telas em Movimento é um projeto de democratização do acesso ao cinema nas periferias e comunidades tradicionais desde 2019. As edições são construídas coletivamente com a participação de caciques, lideranças comunitárias, organizações sociais, comunicadores populares e produtoras independentes em diversas localidades da Amazônia legal. O projeto estimula uma nova dinâmica de criação, percepção e distribuição das narrativas amazônicas, por meio de formação audiovisual com a juventude, além de debates e circuito de exibições onde atua.

COMUNILAB

O ComuniLab nasce do compromisso de Negritar saberes em torno do aprender e fazer audiovisual na Amazônia, utilizando a organização em laboratórios como ferramenta pedagógica de ensino em coletividade. Ampliando narrativa, ecoando vozes e possibilitando a experiência do cinema em parcerias com outras instituições.

NEGRITAÊ!

negritarcomunicacao@gmail.com